Técnica do Pomodoro: aumente a sua produtividade

Técnica do Pomodoro

Técnica do Pomodoro. Já ouviu falar? Bem, caso você não conheça, aí vai uma breve introdução: é uma técnica que aumenta a sua produtividade, inserindo pequenas pausas durante o seu fluxo de trabalho. E se chama Pomodoro porque a pessoa que a inventou, usava um timer em forma de tomate (pomodoro em italiano).

Técnica do Pomodoro: como funciona

Vamos pular os pormenores e ir direto ao funcionamento dessa técnica que pode ajudar a aumentar a sua produtividade. Ela funciona, simplesmente, organizando a sua vontade de procrastinar. Na verdade, é quase que um agendamento da procrastinação.

Ou seja: você irá escolher uma tarefa e dividir o seu tempo em “hora de trabalhar” e “hora de se distrair”. Mas em espaços bem curtos.

Para entender melhor, veja esse passo-a-passo para a Técnica do Pomodoro:

  1. Escolha uma tarefa para fazer.
  2. Configure um timer para marcar 25 minutos.
  3. Foque em trabalhar nessa tarefa por 25 minutos (até o timer avisar que o tempo acabou).
  4. Tire 5 minutos para procrastinar.
  5. Faça isso até terminar a tarefa.

Mas é claro, existe uma observação: A cada 4 ciclos (25 de trabalho + 5 de descanso). Assim, a cada 2 horas de trabalho, fvocê deve fazer uma pausa de 15 ou 20 minutos.

Por que funciona?

Precisamos começar dizendo que funciona para uns, e não funciona para outros. Mas a razão disso é bem simples: todo mundo precisa de um tempinho de descanso. Ou para procrastinar.

Quando você utiliza o Pomodoro, esses momentos ficam organizados, permitindo um melhor gerenciamento de tempo. isso também evita que você se perca na procrastinação.

Ferramentas para a Técnica do Pomodoro

Existem diversos apps para Android e iOS, além de serviços que funcionam diretamente no seu navegador. Eles têm diversas funcionalidades e funções, buscando fazer muito mais do que ser um timer. Boa parte deles chegam a criar relatórios em que você pode comparar a sua produtividade de um dia para o outro.

Não vamos recomendar nenhum deles agora, porque esse post é focado em quem ainda não conhece a técnica. E, para essas pessoas, o melhor é mesmo utilizar o timer do seu smartphone (ou algum outro timer que seja, apenas, um timer).

E por que? Bem, porque o primeiro passo é se acostumar a utilizar a técnica. Criar o hábito dos 25 minutos de trabalho e 5 de descanso. Não é perder tempo olhando relatórios e se preocupando em ajustar o seu modo de trabalho.

Pensando assim, esses relatórios e funcionalidades (que costumam ser pagos), serão muito mais uma distração ou, até mesmo, um complicador, indesejado. Portanto, utilize apenas um timer nesse primeiro momento.

Mas, se você faz questão de um app mais elaborado, pode ler o nosso post sobre 10 apps para aumentar a sua produtividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *